Salve pessoal!

No dia oito de junho de 2020 o PHP completa 25 anos. Essa história toda começou quando o Rasmus Lerdorf publicou a primeira versão de sua suíte de scripts para uso com a web. Aqui vou contar um breve relato sobre como essa plataforma entrou na minha vida e me faz evoluir dia a dia.


Disclaimer: Essa é uma atualização de um artigo que publiquei em 2015, também aniversário do PHP.

Tudo começou em 2001. Eu trabalhava em um hospital em Itapevi (São Paulo). Atuava como escriturário e nos meus intervalos desenvolvia alguns aplicativos em Access para ajudar com minha rotina. Nesse meio tempo conheci também o Dr. Flavio Araújo, que fazia um trabalho excelente em automação de processos de UTI. Ele viu que eu era interessado em desenvolvimento e me mostrou seu código e me emprestou o livro “PHP e MySQL para desenvolvimento web” para possivelmente ajudá-lo com esse trabalho. Ainda naquele ano eu começaria a trabalhar exclusivamente com a tecnologia do Hospital, onde trabalhei por 3 anos.

Trabalhei em diversas empresas, em vários ramos. Com exceção de algumas, PHP era a principal plataforma de desenvolvimento. Aprendi muito mesmo em todas essas experiências, técnicas e pessoais, com todos com quem trabalhei. Em 2011 comecei a abraçar um outro braço na carreira de tecnologia: a gestão. Trabalhei com pessoas excepcionais em times incríveis — os quais sou imensamente grato por me ajudarem tanto.

Um pouco antes, em 2005, comecei a frequentar eventos de tecnologia e conheci de perto a comunidade PHP aqui no Brasil, palestrando em 2007 pela primeira vez. No fim de 2008 o Toscano me convidou para um encontro com Ivan, Pascutti e Dohms onde fundamos o PHPSP. A partir desse dia a palavra Comunidade passou a ter outro significado na minha vida. E quando eu achava que não podia ser melhor, a PHPSP começou a ser organizada por si própria, e nas mãos de muita gente: Rogério, Paulo, Hussani, William(s), Borba, Diana, Marcel, Gabriel, Poke, Tamara, José, Bia, Joel, Airton, Caruso, Nickolas… e tantos outros que mantêm a comunidade ativa e crescendo cada dia mais.

O PHP em si está cada dia melhor. Hoje ele ainda é uma das melhores plataformas para produzir aplicações para a web. A linguagem ainda é a primeira em uso de backends na web, sempre sendo uma das principais opções para projetos ou produtos web. A Jetbrains, empresa para a qual já tive o prazer de trabalhar, fez uma belíssima linha do tempo com os principais acontecimentos na história dessa linguagem tão querida. E como evoluiu! O fim de 2020 virá com o PHP8 que, sozinho, já vai trazer muitos avanços. Imagino o que virá com todas as novas possibilidades.

Comemorar 25 anos de PHP é comemorar a comunidade. Não só a do ElePHPant, mas todas as comunidades que colaboraram para que nesse tempo um projeto de um Groenlandês viesse a ser uma das principais plataformas de desenvolvimento para a web. Obrigado às comunidades e empresas que apoiaram o PHP.

Parabéns à Comunidade por garantir a longevidade dessa plataforma, seja pelas contribuições de código, seja pelo conteúdo que apresentam, seja por todo o trabalho empenhado.

Ao longo destes anos conheci pessoas extraordinárias de diversos cantos do Brasil e do mundo. Tenho contato com a maioria até hoje, incluso Guilherme Blanco, Luis Cobucci, Rafael Kneippe, Elton Minetto, Jucy Cabrera, Diana Arnos… Se for colocar a lista aqui fico até amanhã escrevendo. Todas elas me inspiram diariamente e sou muito feliz de ter conhecido cada uma delas.

Sou muito grato pelo conhecimento, pelas oportunidades e principalmente pelas pessoas as quais o PHP me trouxe!

Vida longa ao PHP!

Capa por Bernd Dittrich no Unsplash